quinta-feira, 3 de maio de 2012

Lembrete


( e eu que lembrei de te ensinar isso, meu filho, Arthur: a saborear o banho de chuva, pelo menos uma vez, na vida ou no ano, é sempre bom, sempre memorável, sempre delicioso, se a gente se abre a ele.)

Nenhum comentário: