quinta-feira, 3 de abril de 2008

Landscape

De vez em quando sinto, com relação a algumas coisas, aquela sensação do final do "Estranhos no paraíso". Aquele quase inevitável, absolutamente contornável se não estivesse situado no limite da coragem.

2 comentários:

Kenji disse...

eu queria morder o narisz da eszter balint

maisz que o da szandra bullock

mentira. eu morderia o narisz de ambasz com o meszmo gosto

Kagahn disse...

SECURITY CENTER: See Please Here