quinta-feira, 9 de novembro de 2006

Penso. Logo existo?

Fico pensando na real utilidade de um blog. Real seria uma palavra pesada, porque o que há de realidade aqui se a vida vivida de cada um já não tem sua dose de fantasia.
Mas assim, quantos não devem me telefonar nem me procurar porque me lêem aqui?
Sabem de mim ao me lerem e se perdoam automaticamente pelo contato não verbal ou físico. Porque por aqui, amigo que me lê, eu sou e faço qualquer coisa, ninguém está vendo minha expressão ou ouvindo as nuances do meu discurso. Então as minhas notícias podem ser:
- Eu me casei!
- Eu tenho 1 filho não reconhecido!
- Eu comprei um carro!
- Eu operei de fimose!
...
E daí?

6 comentários:

Kenji disse...

eu gosto do blog como registro

:: She said :: disse...

eu gosto do q vc escreve.

Escafandrista disse...

Precisa ter utilidade?

enquanto dá disse...

Precisar não preciiiisa, não. Mas para uma coisa divertida ele é bem parado ;)

enquanto dá disse...

Aqui, gente, pq tem gente que aparece fotinha e gente que não aparece fotinha?

Kenji disse...

vc tem que configurar no seu profile do blogger

clique-se ;-)